Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘nashville’

Tranquilidade. Este é o adjetivo que melhor define a prova em Nashville. Nelsinho começou o dia sem conseguir participar do primeiro treino livre, devido a um mal estar por causa do forte calor do verão americano. No segundo treino livre, sem fazer simulação de treino classificatório, Piquet fez o 9º melhor tempo. Mais tarde, classifica-se pra largar em 8º.

A corrida em si foi marcada pela tranqüilidade. Apenas 3 bandeiras amarelas, sendo uma delas por precaução – detritos na pista. Começa a prova, Nelsinho Piquet largou bem e se manteve na 8ª posição. Nas primeiras voltas, Johanna Long escapa e provoca a primeira bandeira amarela. Ninguém quis arriscar de parar, pois a prova estava apenas começando. Após a relargada, Nelsinho Piquet foi avançando, porém estava um pouco limitado, com o Truck traseiro, não estava conseguindo andar na linha de fora. Estava na 6ª colocação quando começaram as paradas em bandeira verde. Nelsinho perdeu um pouco de tempo nos pits e acabou perdendo uma posição. Com os ajustes feitos, Nelsinho voltou pra pista em 7º e os ajustes surtiram efeito, ele era o Truck mais rápido da pista. Nelsinho foi ganhando posições e estava em 4º quando faltando cerca de 50 voltas pro final, uma bandeira amarela por detritos na pista foi agitada. Todos os líderes foram pros boxes e Nelsinho foi atrapalhado na entrada, voltando pra pista na 6ª colocação. Na relargada Piquet ganha 2 posições e estoura o motor de Max Papis, provocando a última bandeira amarela da noite. Relargando na 4ª posição, Nelsinho chega a assumir a 3ª posição, mas é superado por Timoty Peters e assim vai até o final. A prova foi vencida por Austin Dilon, seguido de Johnny Sauter.

Com este resultado, Nelsinho ganha uma posição no campeonato e agora ocupa a 12ª posição com 334 pontos. a próxima corrida é em Indianápolis, no oval Lucas Oil, uma pista curta onde Nelsinho Piquet nunca correu.

Anúncios

Read Full Post »

Nesta sexta, 22 de julho, Nelsinho Piquet retorna a Nashville, oval onde conseguiu seu melhor resultado na NASCAR, um 2º lugar em abril de 2011.  A expectativa por vitória é grande, Nelsinho vem fazendo excelente provas, o carro vem melhorando a cada semana e seu grande rival naquela ocasião e vencedor da prova de abril Kyle Busch não vai correr na Truck Series neste fim de semana.

“Estou muito animado de voltar a Nashville. A cada semana o carro vem melhorando e voltar a pista onde eu tive meu melhor resultado me dá mais confiança. O pessoal da equipe vem trazendo um truck mais rápido a cada corrida e eu sei que podemos vencer. Sinto que este final de semana está caminhando pra ter a combinação perfeita para finalmente ganhar uma corrida.” – disse Nelsinho Piquet no press release da equipe

“Nelsinho teve seu melhor fim de semana da carreira na Truck Series aqui em abril. Nós tínhamos um Truck muito bom e temos evoluído a cada semana por isso estamos muito confiantes para este evento” – disse Chris Carrier, chefe de equipe de Nelson Piquet Jr.

Programação de Nashville // Nashville Schedulle

Sexta-feira 22 de Julho // Friday, July 16

  • Treino livre 1 // Practice 1 => 12:00 (Horário de Brasília) // 11:00am ET // 3:00pm GMT
  • Treino livre 2 // Final practice => 13:30 (Horário de Brasília) // 12:30pm ET // 16:30 GMT
  • Classificação // Qualifying => 18:15 (horário de Brasília) // 5:15pm ET // 9:15pm GMT
  • Corrida // Race => 21:00 (horário de Brasília) // 8:00pm ET // 12:00am (Saturday, July 23) GMT

Transmissão: O Canal Speed (Sky 28, NET 97) transmite a corrida ao vivo. Os treinos livres não terão transmissão nem no speed americano, e como a NASCAR não tem livetiming pra Truck Series, a única maneira de acompanhar é seguindo os twitters @NASCAR_Trucks e @KHI_TruckSeries. O treino de classificação terá transmissão ao vivo pelo Speed americano, então é provável que tenha links pra podermos assistir na internet. Fiquem ligados twitter e no facebook do fã-clube

GMT = Greenwich Time. Use this website to converte your time zone => http://www.worldtimezone.com/

ET = Eastern Time ou Horário do leste americano, que é o horário oficial da NASCAR

Read Full Post »

Nelsinho dizia antes da prova: “A meta em Nashville é fazer um fim de semana bom do inicio ao fim, com bons resultados nos treinos livres, na classificação e na corrida”. Mas será que ele imaginava tão bom assim? Treinos livres com um pouco de atraso por causa da chuva em Nashvile. E no primeiro treino livre, Piquet 14º. Já começava bem, nunca havia andado naquela pista, nunca havia andando numa pista de concreto. No segundo treino livre, melhor ainda, 7º melhor tempo. As boas expectativas iam se confirmando.

Treino de classificação. É bem tenso não ter livetiming. O link pra assistir pelo speed americano tinha um certo atraso. Nelsinho Piquet era o último a ir pra pista na tomada de tempo. A imagem mostrava que faltavam uns 5 carros ainda pra marcar tempo, até que veio o tweet do comandante Pablo confirmando a posição do Nelsinho. 4ª posição. Melhor posição de largada de um brasileiro na NASCAR. Já estava começando a escrever a história dessa corrida histórica!

Na largada, Nelsinho cai um pouco, chega a estar na 9ª posição, seu carro está “tight” ou seja não tem muita velocidade nas retas, mas estava bem. A corrida segue sem incidentes e Nelsinho vai oscilando entre a 7ª e a 9ª posição. Primeira parada nos pits na volta 55 em bandeira verde. Logo em seguida a primeira bandeira amarela, por detritos na pista. Piquet relarga em 7º e novamente perde posições na relargada, mas recupera rapidamente. A corrida segue sem grandes incidentes e Nelsinho Piquet vai andando bem, com o mesmo ritmo dos lideres. No ultimo pit stop Nelsinho entra no boxes na 5ª posição mas a equipe demora um pouquinho e ele volta na 7ª posição. Na relargada, faltando 44 voltas pro final, o sustinho da corrida. Austin Dillon disputa posição com ele, perde o controle do carro e roda sozinho, esbarrando em Piquet que segura o carro no braço e segue. Na relargada, Nelsinho está na 4ª posição, cai pra 5º e recupera logo depois. Ele anda no ritmo dos lideres e vai avançando pra alcançar o 3º colocado quando uma bandeira amarela faltando 14 voltas pro final junta todo mundo! Relargada faltando 9 voltas pro final, ele segue ali brigando entre a 3ª e a 5ª posição quando faltando 6 voltas, nova bandeira amarela, causada por Max Papis que rodou.

A relargada mais emocionante. Faltando 3 voltas pro final. Nelsinho relarga em 4º, chega a cair pra 5º porque é atrapalhado por Kyle Busch, mas mantêm a linha de fora e avança, conseguindo a 4ª posição. Um top-5 já era algo excelente! Ah, mas ele queria mais! E na última volta ele consegue, ultrapassa Timoty Peters pela 3ª posição e na ultima curva ultrapassa seu companheiro de equipe Ron Hornaday! Que final de prova! Que corrida excelente! Daquelas pra assistir mais vezes e comemorar de novo! O melhor resultado de um brasileiro na NASCAR! Nelsinho agora ocupa a 17ª posição no campeonato de pilotos e 21º na de carros, o que lhe garante vaga na próxima corrida (os 25 carros mais bem colocados garantem vaga no grid da próxima corrida).

“Honestamente, eu não tenho palavras pra descrever. Eu sinto como se tivesse ganhado! Estou muito feliz de ter tido a oportunidade de chegar em 2º lugar aqui em Nashville. Nós tivemos uma estrada longa até aqui, mas fomos conseguindo melhorar a cada prova e essa corrida foi uma realização enorme. Tivemos muitas adversidades no inicio do ano e acredito que o resultado dessa corrida é uma motivação extra pra equipe. A cada semana, a cada volta na pista eu aprendo mais e continuarei aprendendo ainda. Eu não poderia estar mais orgulhoso da equipe e tenho que lhes agradecer por trabalharem duro, acreditando em mim. A curva de aprendizado na mudança de fórmula pra carros stock é muito maior do que todos pensam, mas estou chegando lá. Isso foi apenas uma amostra do que podemos fazer. Estou aqui para ganhar, estou aqui para lutar e para vencer campeonatos. estou animado pra continuar esse aprendizado e melhorar a cada corrida desse campeonato” – disse Nelsinho Piquet em nota da equipe

Assista as voltas finais em Nashville:

Parabéns Nelsinho, em nome do fã-clube e dessa fã doida aqui!

Fotos: Comandante Pablo (@Pablo_j3)


Read Full Post »

Depois de uma longa e interminável pausa de 3 semanas, finalmente teremos corrida na NASCAR Truck Series. A pista de Nashville é uma pista intermediária de 1,333 milhas onde Piquet não tem nenhuma experiência. Além disso, esta será a primeira vez que Piquet correrá numa pista de concreto. A vantagem de Nelsinho Piquet é que das 5 provas que ele disputou ano passado, 3 foram em pistas intermediárias, então não chega a ser uma grande novidade para ele.

Assim como em Phoenix e em Darlington, os treinos, classificação e corrida acontecerão num único dia, sexta, 22 de abril. Segundo o experiente chefe de equipe de Nelsinho, Chris Carrier, esta por ser uma pista de concreto, com os treinos a pista vai emborrachando ao longo do dia. Nos treinos livres ele prevê um problema de desgaste de pneus acentuado, mas que isso deve melhorar para a corrida, com a pista ficando mais emborrachada.

“Mais uma vez estamos indo pra uma pista onde eu não tenho experiência anterior, então é importante que eu consiga uma boa velocidade nos treinos livres. Na ultima temporada eu fui bem nas pistas intermediárias onde corri, então acredito ser capaz de ter um bom final de semana. Eu me qualifiquei bem nas últimas corridas e consegui andar na frente, porém tive um pouco de falta de sorte, que terminou em resultados ruins. A meta em Nashville é fazer um fim de semana bom do inicio ao fim, com bons resultados nos treinos livres, na classificação e na corrida.” – Disse Nelsinho em comunicado oficial da equipe.

 Horários – Schedule

 Sexta-feira / Friday

  • 12:00 (Brasília) / 3:00pm (GMT) – Treino livre 1 / Practice 1
  • 13:30 (Brasília) / 4:30pm (GMT) – Treino livre 2 / Practice 2
  • 18:00 (Brasília) / 9:00pm (GMT) – Classificação / Qualifying
  •  21:00 (Brasília) / 12:00am – (April 23rd GMT) – Corrida / Race

Transmissão: o Canal Speed (TV por assinatura) transmite a prova ao vivo pro Brasil. Os treinos livres não terão transmissão nem pelo speed americano, então só tem como acompanhar pelos updates no twitter da equipe. A classificação tem transmissão do Speed americano, então é bem provável que tenha link pra assistir pela internet.

Fonte: KHI

GMT = Greenwich Time. Use this website to converte your time zone => http://www.worldtimezone.com/

Read Full Post »