Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘kansas’

Mais uma vez ficamos com o gostinho de que poderia ter sido melhor… Piquet andou bem nos treinos na sexta-feira, acertando o carro para a corrida. Terminou como o 9º melhor do dia no geral. No treino de classificação hoje pela manhã, marcou o 8º tempo.

Largando na linha de cima, que é a que ele prefere, Piquet logo avançou, pulando para a 6ª posição. A prova logo foi interrompida com uma bandeira amarela, provocada por Jeb Burton, que tocou sozinho no muro. Na relargada por fora novamente, Piquet ficou um pouco preso, caiu para 10º e foi avançando, conquistando as posições na pista. Estava chegando no 5º colocado quando uma bandeira amarela aconteceu na volta 32. Os líderes fizeram seu primeiro pit stop e Piquet perdeu 2 posições porque fez ajustes no carro.

Na relargada na volta 41, um acidente envolvendo 5 carros na parte de trás provocou nova bandeira amarela. A bandeira verde só foi agitada novamente na volta 50. Piquet largou novamente na 8ª posição e logo pulou para a 5ª posição. Em poucas voltas, mais uma bandeira amarela, Max Gresghan no muro. Nenhum dos líderes arriscou parar, Piquet se manteve na pista. Na bandeira verde, faltando 100 voltas para o fim, Piquet ficou um pouco preso, caiu para sexto, se estabilizou e logo foi à caça dos líderes. Em 10 voltas chegou no 4º e no 5º colocados e fez uma bela ultrapassagem dupla. Piquet foi então em busca do 3º lugar. Chegou e passou pelo líder do campeonato Timothy Peters faltando menos de 80 voltas pro final.

Piquet estava em 3º, andando mais rápido que os líderes, nada poderia atrapalhar dessa vez… a não ser uma bandeira amarela na hora errada… Faltando cerca de 75 voltas pro fim, os líderes começaram a parar em bandeira verde. Piquet foi logo um dos primeiros a parar. E então uma latinha de refrigerante jogada na pista provocou uma bandeira amarela. Por pouco Piquet não perdeu a volta dos líderes. Após muita confusão para determinar a posição exata de pista, Piquet relargou na 12ª posição, faltando 65 voltas para o final. Perdeu muito tempo no pelotão, chegou a cair para 14º até se estabilizar na linha de cima e começar a fazer ultrapassagens. Foi galgando as posições, uma a uma. Estava em 3º quando faltando pouco menos de 30 voltas para o final, os líderes começaram a parar novamente em bandeira verde. A equipe perdeu um pouco de tempo nos boxes para retirar umas fitas que tapam o radiador pois o carro estava dando sinais de superaquecimento. Após todos pararem, Piquet ficou estabelecido em 5º. Faltando 5 voltas para o final, Piquet conseguiu a 4ª posição de Todd Bodine, mas já era tarde demais para chegar em Brad Keselowski, o 3º. O vencedor da prova foi o companheiro de equipe dele, James Buescher. Esta foi a primeira vitória de Buescher na Truck Series.

“Hoje estávamos rápidos, mas a gente não tinha o truck mais rápido da pista. Quando não dá para lutar pela vitória, o melhor é terminar entre os primeiros e pensar no campeonato. No ano passado, provavelmente eu ficaria frustrado por não chegar às voltas finais em condição de disputar a ponta e teria forçado no finalzinho, com o risco de um acidente. Agora, mais experiente, soube administrar e sair daqui em quinto no campeonato. Parabéns ao James pela sua primeira vitória. A equipe está numa fase excelente, com duas vitórias seguidas. Vamos continuar trabalhando forte que logo chega a minha vez” – concluiu o brasileiro, lembrando que a corrida anterior, em Rockingham, também teve um truck da Turner no Victory Lane, com Kasey Kahne.

Com o resultado, Piquet avançou uma posição no campeonato, está em 5º, 23 pontos atrás do líder, Timothy Peters. Esta é a primeira vez desde que chegou na Truck Series em 2010 que Piquet figura no top-5 da classificação do campeonato. A próxima corrida é só daqui a 1 mês, dia 18 de maio, no oval de Charlotte, mais uma pista de 1,5 milha do tipo que Piquet mais gosta.

Classificação da Truck series após 4 etapas:

1. Timothy Peters 163 pontos
2. James Buescher 159
3. Justin Lofton 152
4. Ty Dillon 149
5. Nelson Piquet Jr. 140

Anúncios

Read Full Post »

Piquet liderando a corrida em Rockingham

“A gente vem de uma vitória pela K&N em Bristol, um bom sexto lugar em Martinsville e uma prova fantástica em Rockingham, com pole e mais de 100 voltas na liderança. O momento não poderia ser melhor para chegar às pistas de 1,5 milha cheio de confiança. Nosso planejamento para o ano era chegar a esta fase do campeonato entre os 10 melhores, para daí buscar avançar mais na classificação aproveitando as pistas mais favoráveis” – disse Piquet no comunicado oficial da assessoria

Layout do Truck para a corrida do Kansas

Outra novidade estará estampada na parte traseira doTruck e sobre a janela do lado esquerdo e dará um novo significado ao termo “green, green, green”, que é o que o piloto escuta pelo rádio nas largadas e relargadas durante uma corrida de Nascar.

A marca traz uma folha verde no formato da tradicional gota presente nos capacetes de todos os pilotos da família Piquet. Sobre o nome de Nelsinho há a inscrição “zero-carbon”. Essa iniciativa é parte de uma ação mais ampla e está em linha com as preocupações ambientais da Nascar.

O brasileiro vai percorrer no máximo 11.500 milhas em treinos e corridas pela Nascar ao longo deste ano. Ele adquiriu da organização ClimateCare créditos para neutralizar 28,5 toneladas de CO2, o que corresponde à emissão de um carro da Cup Series em ritmo de bandeira verde durante todas as voltas do ano.

“Hoje em dia é impossível não se preocupar em compensar nosso impacto ambiental. A marca no meu truck é para mostrar a importância desse tipo de medida e motivar os fãs a repetirem a iniciativa, criando uma conscientização maior”, observa Nelsinho.

Programação // Schedule

Sexta-feira, 20 de abril // Friday, April 20

  • Treino livre 1 | Practice 1 => 13:20 (BR) | 12:20 (ET) | 4:20pm (GMT)
  • Treino livre 2 | Final Practice => 16:00 (BR) | 3:00pm (ET) | 7:00pm (GMT)

Sábado, 21 de abril // Saturday, April 21

  • Classificatório | Qualifying => 11:30 (BR) | 10:30am (ET) | 2:30pm (GMT)
  • Corrida | Race => 15:00 (BR) | 2:00pm (GMT) | 6:00pm (GMT)

Transmissão: O canal Fox Sports (27 na Sky | 97 na Net | 50 na Claro TV | 53 na GVT | 520 na OiTV | 50 na TVA | 465 na Telefônica TV) anuncia transmissão ao vivo da corrida para o Brasil. O Speed norte-americano transmite o 2º treino livre e o qualifying, se souber de stream para acompanhar, informarei via twitter na hora.

Read Full Post »

Finalmente o resultado que o Nelsinho e a equipe mereciam! Depois de dois top-10 frustrados na ultima volta em Charlotte e em Dover, finalmente o oitavo lugar no Kansas, consagrando uma bela prova de recuperação do Nelsinho.

 O fim de semana começou não muito bom no primeiro treino livre na sexta-feira, Piquet teve problemas no acerto do carro e ficou apenas com a 17ª posição. Porém, no segundo treino livre a equipe do Truck #8 Bozzano/Jontex mostrou evolução ficando em 5º. No sábado pela manhã no qualifying, Nelsinho marcou o 4º melhor tempo, igualando sua melhor posição de largada (em Nashville).

A corrida foi bem tensa. Logo no começo Nelsinho perdeu algumas posições, parecia que o Truck não estava bem equilibrado. Na primeira bandeira amarela do dia, provocada por Hornaday com um pneu furado, Nelsinho ocupava a 7ª posição. Na relargada, perdeu mais posições, parecia não ter se encontrado ainda naquela pista. Ou estava fazendo uma corrida cautelosa, pra avançar no final. Uma grande seqüência de voltas em bandeira verde forçou os líderes a fazer seu primeiro pit stop em bandeira verde, La pela volta 50. Nelsinho tinha acabado de fazer sua parada quando uma bandeira amarela atrapalhou um pouco os planos do brasileiro, beneficiando quem tinha ficado na pista.

Nelsinho relargou em 22º na volta 64. Estava em 20º quando Brad Sweet rodou a frente de Nelsinho, os dois chegaram a ter contato mas Nelsinho não sofreu nenhum dano no Truck. Relargada na volta 71 e na volta seguinte Nelsinho é tocado por Clay Rogers e roda. Nelsinho vai pros boxes, troca os 4 pneus e coloca combustível. Volta pra pista ainda na volta dos líderes, na 25ª posição. A partir daí Nelsinho faz uma excelente corrida de recuperação! Vai fazendo ultrapassagens e ganhando posições.  Faltando pouco mais de 60 voltas pro final Nelsinho arrisca e faz sua ultima parada nos boxes pra colocar combustível e trocar os 4 pneus, aproveitando a bandeira amarela por detritos na pista.

Faltando 50 voltas pro final, Nelsinho e o outro brasileiro na NASCAR Miguel Paludo travam uma bonita batalha por posições na pista, Nelsinho ultrapassou, Paludo deu o troco e depois Nelsinho passou novamente. Faltando 35 voltas pro final, Clay Rogers fica lento na pista e provoca a última bandeira amarela do dia. Piquet confirma sua tática de não mais parar e relarga na 6ª posição. Na relargada é tocado por Parker kliegerman na disputa por posições e cai pra 8º. Sem nenhum dano grave no carro, Nelsinho segue no top-10 disputando e cruza a linha de chegada em 8º. Bom trabalho Nelsinho, confirmando sua boa fase em ovais intermediários! Com o resultado Nelsinho avançou 4 posições no campeonato e é 15º

A próxima já é semana que vem, no Texas, onde Nelsinho já correu no ano passado pela equipe Billy Ballew Motorsports e chegou na 8ª posição.

Aqui a mensagem em vídeo de Nelsinho para os fãs no Brasil após a prova

Read Full Post »

Depois de um final de semana de descanso a NASCAR Camping World Truck Series volta nesse final de semana no Kansas pras 250 milhas. O Oval do Kansas é mais um intermediário, de 1,5 milhas e apesar de Piquet nunca ter andado lá ele está confiante pra essa corrida.

“Eu nunca competi no Kansas Speedway, mas me sinto confortável em pistas intermediárias. Sei que será uma grande diferença, pois a superfície é bem escorregadia diferente de Charlotte que é bem aderente. Nas ultimas corridas em Dover e Charlotte nós tivemos um final decepcionante por isso estou ansioso pra colocar o Truck 8 na pista e dar a equipe um final melhor. A equipe continua a evoluir a cada corrida e eu aprendi bastante nesses últimos eventos” – disse Nelsinho Piquet no comunicado oficial da equipe.

Horários // Schedulle

Sexta-Feira 03/06 // Friday, June 3rd

  • Treino livre 1 // Practice 1 => 13:30 (brasília) // 4:30pm (GMT)
  • Treino livre 2 // Final Practice => 16:00 (brasília) // 7:00pm (GMT)

Sábado  04/06 // Saturday, June 4th

  • Treino de classificação // Qualifying => 11:30 (Brasília) // 2:30pm (GMT)
  • Corrida // Race => 15:00 (Brasília) // 6:00pm (GMT)

Transmissão: O Speed americano irá transmitir todos os treinos e a corrida. Irei buscar links pra que possamos acompanhar. O speed aqui (TV a cabo) irá transmitir somente a corrida ao vivo. Pra quem não assina o canal não se desespere, pois sempre há possibilidade de assistir pela internet! Fique de olho no nosso twitter e facebook que divulgaremos os links!

Read Full Post »